quarta-feira, 11 de abril de 2012

40 dias (quase) sem açúcar



Estava voltando do trabalho, era um dia de fevereiro com um calor infernal, e por isso planejava passar no drive thru do Mcdonalds para tomar aquele enorme sunday de morango. Para minha surpresa, recebo uma mensagem da Simone no celular, convidando para "40 dias sem açúcar". Topei na hora (era quaresma), mesmo ficando com aquela água na boca pelo sunday.

Mas tenho que confessar que foram 40 dias quase sem açúcar.

Não adianta, quando a gente vê o açúcar já está na boca.

A primeira escapada foi em um voo da Tam. Eles sempre oferecem no início da viagem aquelas "malditas" balas. Eu esqueci da promessa e peguei uma para mim. Só lembrei depois que já estava com o doce na boca.

Houve ainda outras derrapadas. Uma delas foi com um docinho oferecido na cafeteria junto com um espresso. Quando me dei conta, já tinha comido o biscoitinho.

Ainda que não tenha sido rigorosamente cumprido o desafio, é preciso reconhecer que a experiência mostrou como o açúcar está presente em nossas vidas, e como ele é "tentador". Pudemos viver assim um pouco dos sentimentos da nossa filha, quando lhe oferecem balas e chocolates. É duro dizer não, principalmente quando já se está há alguns dias sem comer doce.

Assim, percebemos também que a dieta muito restritiva acaba sendo um perigo, pois a tentação de comer doces aumenta. Melhor então permitir que se coma o doce quando quiser (sem estimular isso, é claro), combinando sempre com a nossa filha de fazer a dose de insulna necessária para cobrir o alimento (conforme a BENDITA contagem de carboidratos!!!).

Ficou outra marca: agora, com a passagem da Páscoa, depois de tantos dias quase sem açúcar, não conseguimos comer muito chocolate. Basta alguns pedaços pequenos, para degustar o doce e ficarmos satisfeitos.

E a vida segue, com outros desafios diários: fura dedo, mede glicemia, conta carboidrato, anota quando lembra...

Um comentário:

  1. Olá pessoal que acompanha o Blog, recebi este aviso e achei muito importante divulgar um comentário no meu blog (reccomecar.blogspot.com) que pede para crianças, adolescentes e adultos com diabetes tipo 1 responda um questionário a Mariana, é de Portugal vamos colaborar que pessoas com diabetes tenha uma qualidade de vida melhor.Segue o pedido. Conto com vc.
    mariana deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Novos resultados com o uso do pâncreas artificial ...":
    Boa tarde,
    Estou a fazer a minha Dissertação, no âmbito do Curso de Mestrado em Design Industrial na Faculdade de Engenharia do Porto – Portugal, na área de Diabetes do tipo 1. O objectivo seria criar um dispositivo com uma ligação e afeição com o diabético e para um melhor controlo da Diabetes. Para que seja um desenvolvimento credivel e que crie satisfação ao diabético, estou a realizar uns questionários, um dirigido a adultos e adolescentes e outro para crianças.
    Link de acesso:
    Questionário sobre Dispositivos Médicos usados na terapêutica da Diabetes Mellitus tipo I – Dirigido a Diabéticos tipo I (Crianças) – Para o preencher, vá a: https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?formkey=dGMxTmtoSWl3X1c5Z3V1ZTBsVE01UWc6MQ

    Questionário sobre Dispositivos Médicos usados na terapêutica da Diabetes Mellitus tipo I – Dirigido a Diabéticos Adolescentes e Adultos. Para o preencher, vá a: https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?formkey=dFNfMFNDVVFUY2NmMHpuQV9BdlFDZVE6MQ

    Encontrei o seu blog e pensei que poderia ser uma forma de divulgação dos questionários. Se quiser colaborar neste estudo, poderia divulgar no seu blog.
    Agradeço a sua atenção e disponibilidade.


    https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?formkey=dGMxTmtoSWl3X1c5Z3V1ZTBsVE01UWc6MQ

    ResponderExcluir